Fundador da Benetton passa a direção para o filho

Luciano Benetton, fundador com os seus irmãos e irmãs do grupo têxtil Benetton há 47 anos, avançou este domingo, em entrevista ao jornal Corriere della Sera, a sua intenção de passar as rédeas para o seu filho Alessandro, anteriormente vice-presidente de empresa.

“O leme vai para o meu filho Alessandro, que vai se tornar presidente. Depois de uma corrida que durou 47 anos, deixo meu gabinete na terça-feira”, disse Benetton.

A empresa tornou-se, em quase meio século, um gigante com mais de 6.000 lojas em 120 países, Luciano Benetton adinata que deixou ao seu  herdeiro “especialmente paixão”.

Segundo ele, Alessandro Benetton, de 48 anos , mostrou as suas capacidade “nos últimos dois anos como vice-presidente” do grupo.

O grupo de vestuário tem sido prejudicado pela subida de matérias-primas, especialmente o algodão, e a crise no sul da Europa, e em meados de Março apresentou os resultados de 2011 em forte baixa (-28,3% a lucro líquido de 73 milhões de euros em vendas em baixa de 1% a 2,032 bilhões).

Benetton está consciente de não deixar uma tarefa fácil para o filho, mas, adianta ” ele demonstrou a sua capacidade empresarial através da criação de 21Investimenti (empresa de capital de risco) “.

Segundo o fabricante, “os tempos difíceis são os melhores para o risco”.

“O desafio é sempre o mesmo:  imaginar, inovar, que é o que vai sempre ser um empreendedor”, disse Benetton.

“Amar o desafio e gostar de aprender tem sido sempre os meus motores”, disse ele, lembrando que em 1969, quando abriu a sua primeira loja em Paris, o grupo havia caído no meio de “os senhores indiscutíveis da moda,  como Dior, Chanel, quando ninguém falava sobre a roupa casual. ”

Fonte: Dinheiro Vivo 22/04/2012 | 14:09

Equipe de redação da Une Consultoria.

Quer receber conteúdo da Une Consultoria - Sucessão | Governança ?

Cadastre seu contato aqui!

Mais sobre o nosso blog

Comentários...