Programa ajuda família na gestão de propriedades

A família do sojicultor de Sapezal (MT), Antônio Celso Paludo, 63 anos, já trabalhava junta quando o patriarca e dois de seus três filhos, Carla Paludo (36 anos) e Lucas Paludo (33 anos), resolveram participar do Programa Sucessão Familiar, em 2012, em busca de mais profissionalismo na empresa familiar.

“O Programa ajuda o patriarca a enxergar os negócios de uma forma mais leve, pois meu pai percebeu que os professores são profissionais experientes nessa transição dos negócios do pai para o filho e que estavam falando sobre a sua própria realidade”, afirma Carla Paludo.

Segundo ela, os três integrantes da família gostaram tanto do curso que sua mãe, Leda Maria Porsch Paludo, 61 anos, e seu irmão caçula, Guilherme Paludo, 29 anos, participarão da edição 2013 do programa, que terá início nos dias 12 e 13 de abril em Cuiabá. Em Sinop, o primeiro módulo ocorrerá nos dias 10 e 11 de abril.

Realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de Mato Grosso (Senar-MT), em parceria com a FIA (Fundação Instituto de Administração) – instituição ligada à Universidade de São Paulo (USP) – o Programa Sucessão Familiar foi Idealizado pela Federação da Agricultura e Pecuária (Famato).

Em 2012, a primeira turma foi realizada na Cuiabá. Em 2013, além da capital, será formada uma turma em Sinop, devido à pujança do agronegócio da região norte.

O objetivo do programa é proporcionar o desenvolvimento de herdeiros, sócios e gestores a lidar com os desafios da longevidade das empresas de controle familiar do meio rural de Mato Grosso.

As turmas são formadas por duas pessoas de cada propriedade (pai e filho, por exemplo). São permitidas até 15 propriedades, totalizando 30 participantes.

Dona Leda conta que já percebeu algumas mudanças, como a maior atuação dos filhos na gestão da propriedade e outras duas propriedades arrendadas, que totalizam 2,8 mil há de soja e 1,8 mil há de milho. Após terminar o curso, ela espera que haja um diálogo mais alinhado entre os cinco membros para que metas de trabalho sejam determinadas a cada um. “As aulas vão nos ajudar a ter novas idéias, proporcionando um direcionamento nos negócios e tornando essa fase de sucessão menos constrangedora para todos”, diz a matriarca.
Como se inscrever

Os interessados em participar da edição 2013 do Programa Especial “Governança e Sucessão Familiar”, que iniciará turmas em abril em Sinop (dias 10 e 11) e Cuiabá (dias 12 e 13), podem se inscrever entrando em contato com a colaboradora Zelma Batista, através do telefone (65) 3928-5809 ou pelo e-mail zelma@senarmt.org.br

 

O Sucessão Familiar é sem custo para os participantes, tem 64 horas de carga horária e continua sendo ministrado em seis módulos.
Conteúdo

Confira quais são os outros módulos do Sucessão Familiar:

– Processo Sucessório: Abordagem Comportamental, com Ana Rita Schlatter;

– Estratégia: Conceitos e Aplicações em Empresas Familiares do Agronegócio, com Tiago Fischer Ferreira;

– Governança e Sucessão em Empresas Familiares: Aspectos Legais, com Gustavo Passarelli;

– Planejamento Tributário e Contábil: Desafios da Empresa, com Ricardo Velloso;

– Finanças: Avaliação e Crescimento do Negócio Familiar, com Uriel Rotta.

O Senar está no Twitter e no Facebook. Siga @senar_mt e curta a Fan Page (http://www.facebook.com/SenarMt) da instituição de ensino rural que está presente em todos os municípios de Mato Grosso,  atuando em parceria com os 87 sindicatos rurais. Faz parte do Sistema Famato, assim como a Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Mato Grosso (Famato) e o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (IMEA-MT).

http://www.sistemafamato.org.br/site/releases_completo.php?id=233753

Fonte: ASCOM Senar-MT, 3/4/13

Equipe de redação da Une Consultoria.

Quer receber conteúdo da Une Consultoria - Sucessão | Governança ?

Cadastre seu contato aqui!

Mais sobre o nosso blog

Comentários...